Durante a gestação, dentes e gengivas merecem atenção especial

Durante a gestação, dentes e gengivas merecem atenção especial. Cuidar bem do sorriso é tão importante para você quanto para o bebê.

Que mudanças ocorrem na boca da mulher durante a gestação?

A grávida fica com o organismo mais vulnerável de uma maneira geral devido às alterações hormonais e há o aumento da vascularização do periodonto (gengiva, dente, ossos e ligamentos).

Achar que os dentes ficam mais fracos durante a gravidez é mito, porém, um grande número de mulheres tem gengivite durante a gravidez, com acúmulo de placa bacteriana que se deposita nos dentes irritando a gengiva.

O aumento da produção de alguns hormônios pode facilitar inflamações da gengiva, principalmente quando a mulher já tem uma tendência a ter o problema. A gengiva da gestante costuma sofrer também com sangramentos e infecções pelo mesmo motivo.
Outro contratempo comum entre as gestantes é o surgimento de cáries, causadas pela diminuição no número de escovações diárias, devido ao enjoo provocado pelos cremes dentais.

Problemas nas gengivas podem induzir o nascimento prematuro do bebê ou fazer com que ele nasça abaixo do peso

“Há cada vez mais evidências sugerindo a existência de uma relação entre as enfermidades gengivais e os nascimentos prematuros e de bebês que nascem com peso abaixo do normal. Pesquisas constataram os microorganismos presentes na placa bacteriana causam inflamações na gengiva, estimulando a liberação de citoquininas e prostaglandinas, substâncias hormonal que induzem o parto. Assim, sua liberação na corrente sanguínea acarreta microcontrações na parede uterina, podendo levar ao nascimento de um bebê de baixo peso.”  – Afirma o cirurgião-dentista Mário Groisman, do Rio de Janeiro.

Conheça quais os principais cuidados com a saúde bucal que a gestante deve tomar

Toda gestante deve ter zelo redobrado na hora da escovação, no uso diário de fio dental e no bochecho com soluções. É indispensável o uso do fio dental, ele chega onde a escova não entra e promove uma limpeza maior.

Fique atenta a eventuais sangramentos, que são sinais de que há alguma anormalidade. Se houver necessidade de tratamento odontológico, o melhor é procurar um profissional o mais cedo possível para evitar complicações.

Fonte: institutodosorriso.com.br
Fonte: cfo.org.br

Faça parte das nossas redes sociais, FacebookTwitterGoogle plus.

Comente e compartilhe nossas noticias sobre saúde e bem estrar  😉

Durante a gestação, dentes e gengivas merecem atenção especial
5 (100%) 6

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *