Buscando sobre como fazer seu filho comer melhor?

Então provavelmente você já se perguntou isso: 

  • Porque alguns pais não sentem dificuldades para alimentar de forma saudável suas crianças enquanto outros têm uma longa e duradoura luta durante as refeições com seus filhos?

A verdade é que muitos estão na dura missão de encontrar a solução para fazer os seus filhos comerem bem sem precisar se estressar, entrar em conflito ou perder horas e horas durante as refeições.

Mas, poucos entendem o real motivo disso estar acontecendo.

Sendo assim, eles não sabem que existe um processo invisível…Um processo de educação alimentar que aconteceu com eles e agora se repetirá com seus filhos.

Em outras palavras, é algo impossível de escapar e todos nós passamos por ele.

Ou seja, ele começou na nossa mãe e passou pra gente. Agora, ele começou em você e passará (ou já passou) para o seu filho. 

O grande problema é que, por ser um processo invisível, nem todos nós passamos da maneira mais adequada e saudável por ele.

E na grande maioria dos casos, é ele quem decide a forma como nós vamos nos alimentar para o resto da vida.

Ele é tão poderoso que uma vez que alguém entende o processo como um todo e faz da maneira correta. 

É possível fazer com que uma criança se torne um adulto com uma alimentação saudável para o resto da vida antes mesmo dela ser fecundada.

E nós vamos nos esforçar para que você entenda este processo já nas próximas linhas.

Cerca de 88% dos que vão ler este artigo, não possuem uma alimentação adequada

Podemos te mostrar algo interessante?

mas…

e …

Primeiro você precisa saber o que é uma alimentação saudável

O que você acabou de ver é um sinal claro da falta de entendimento das pessoas sobre nutrição básica.

E como falamos anteriormente, o processo invisível de educação alimentar está acontecendo, mesmo que as pessoas não entendam como comer da forma correta.

E o resultado é que se os pais não comem bem, os filhos, muito provavelmente, não vão comer da maneira adequada.

Por isso que, caso você seja parte dos 80% que apenas buscam uma alimentação saudável mas não tem, o primeiro passo é aprender o que é uma alimentação saudável.

Portanto, uma vez que você entende os conceitos básicos de nutrição e aumenta a variedade de alimentos consumidos, especialmente frutas e vegetais, você deu um grande passo em direção a uma alimentação mais saudável, não importa o que saiba sobre ingredientes específicos. 

Como fazer isso?

Você pode começar lendo o guia alimentar da população brasileira. E depois, conversando com o seu nutricionista. 

[Tenha um plano de saúde para ser atendido por qualquer nutricionista Hapvida ou da nossa rede credenciada: conheça nossos planos] 

Depois você pode sair atrás de uma boa alimentação

Este é outro passo importante. É a hora de sair às compras.

Neste momento é bom ter em mente que muitos fatores vão interferir neste processo.

Portanto, fatores como a natureza física, econômica, política, cultural

ou social possuem forte impacto na alimentação de uma pessoa.

Por exemplo, morar em um território onde há feiras e mercados que comercializam frutas, verduras e legumes com boa qualidade. Isso ajuda você a ter mais facilidade em conseguir os alimentos corretos para a sua refeição e também a do seu filho.

Outro ponto importante, além dos fatores citados acima, e de forte impacto é o marketing das marcas. 

Ou seja, é muito mais complicado manter o foco em uma alimentação saudável quando a indústria influencia de maneira quase que imperceptível a maneira como você faz compras.

Então, uma saída para isso é buscar sempre comprar mais alimentos frescos ou seja comércios e feiras independentes. Ou até mesmo, plantá-los em casa. 

Assim, é mais fácil abandonar os truques de marketing.

Além disso, aprender sobre como ler e compreender um rótulo nutricional ajuda muito na escolha de alimentos mais saudáveis.

Mas como isso vai fazer seu filho ter uma alimentação melhor?

Chegou a hora de falar sobre o processo invisível que vai te ajudar a melhorar a alimentação do seu filho.

Só depois que você passa a se alimentar melhor é que você vai conseguir ajudar seu filho a comer melhor.

Portanto, não é o seu filho que precisa comer melhor. É você.

Quando isso acontecer, o processo invisível estará atuando positivamente para que o seu filho seja um adolescente e também um adulto saudável. 

E não estamos falando só sobre passar a se alimentar melhor comendo frutas e vegetais na frente da criança para que ela siga o exemplo porque o exemplo não começa aí. Ou pelo menos não deveria…

Sendo assim, o exemplo começa desde o planejamento do bebê.

Ou seja, o processo invisível é todo o impacto da sua educação alimentar na vida do seu filho.

Em outras palavras, ele vai das reservas de nutrientes que você tem no corpo antes de ficar grávida, até as refeições que você faz junto com o seu filho para que ele veja o quão saudável você come.

Então, educar os pais em nutrição é mais eficaz na hora de influenciar a saúde de crianças e adolescentes do que educar os próprios filhos.

Caso você tenha outro filho, preste atenção nessas dicas para ele crescer com uma alimentação saudável

Insira todos os tipos de alimentos, vegetais, legumes, frutas, proteínas, tente fazer com que seu filho se adapte, a todos os tipos de alimento, enquanto ainda está mais novo, e para mudar é menos complicado.

Gostou dessas dicas? Compartilhe com seus amigos papais e mamães!

    Categoria
    Marcadores

    Comentários desativados